Acesso do Cliente
Username
Password
fechar

Enviar a um amigo

Regras para emissão de decore passam a valer no primeiro semestre de 2016

A ampliação do número de documentos válidos para a emissão da Decore e a informação de que as declarações emitidas ficarão disponíveis para a Receita Federal estão valendo desde o dia 1º de janeiro de 2016
Publicado em 20/01/2016 às 10:19
Print Send

A ampliação do número de documentos válidos para a emissão da Decore e a informação de que as declarações emitidas ficarão disponíveis para a Receita Federal estão valendo desde o dia 1º de janeiro de 2016

O Conselho Federal de Contabilidade (CFC) aprovou, em novembro, Resolução alterando regras para emissão da Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (Decore).

Duas das mudanças – a necessidade de fazer upload no ato de emissão da declaração e a utilização da certificação digital para a emissão do documento – só entrarão em vigor em abril, segundo deliberação do Tribunal Superior de Ética e Disciplina do CFC nº 029/2015, aprovada em 10/12/2015.

Segundo o vice-presidente de Ética, Fiscalização e Disciplina do CFC, Luiz Fernando Nóbrega, a decisão de prorrogar a vigência de partes da Resolução foi necessária para permitir que os profissionais consigam se adequar. “Optamos por prorrogar as duas mudanças operacionais mais relevantes da Resolução, que alteram profundamente ao dia a dia do profissional da contabilidade para que eles possam se adaptar melhor às novas normas. Desde a publicação da Resolução temos recebido inúmeros questionamentos e vimos a necessidade de fazer uma campanha maciça de comunicação para os profissionais”.

A Resolução aprovada em novembro traz também ampliação do número de documentos válidos para a emissão da Decore e a informação de que as declarações emitidas ficarão disponíveis para a Receita Federal. Essas já passam a valer a partir de 1º de janeiro de 2016. “A disponibilização da Decore para a Receita Federal é uma segurança para o profissional da contabilidade, que terá mais subsídios para responder negativamente caso um cliente peça uma declaração sem o correto embasamento legal”, reforça Nóbrega.

As situações em que as Decores podem ser emitidas estão na Resolução 1.492/2015. Os documentos válidos para embasar as emissões estão disponíveis no anexo II da ResoluçãoI.

Fonte: site CFC

veja também outras notícias...

Trabalho isenta do Imposto de Renda adicional de férias, 13º e abono pecuniário

31/08/2015 09:06

Participação nos lucros das empresas também foi isentada. Isenção inclui as contribuições sociais. P... [+]

Governo vai propor alta de tributos em 2016

31/08/2015 08:55

A proposta orçamentária para 2016 prevê um forte aumento de impostos, propostas de redução de algumas ... [+]

Para fugir de impostos, empresas brasileiras preferem ficar pequenas

31/08/2015 08:50

Projeto de lei que amplia o teto de faturamento do sistema Simples entra em votação esta semana na Câmar... [+]

Votação do projeto que amplia o Supersimples é prioridade da Câmara

31/08/2015 08:44

As votações do Supersimples e da PEC 172 estão previstas para terça-feira (1º), em sessões ordinária... [+]

Teto do INSS vai a R$ 5,1 mil

30/11/2015 16:49

Aposentados que ganham acima do salário mínimo terão reajuste de 10,37% no ano que vem; mínimo vai a R$... [+]

© 2017 VISÃO CONTABILIDADE
+ 55 (64) 3461-3449